CABOCLOS DOS ORIXAS ogum e xango

A FALANGE DOS CABOCLOS

Os caboclos, são muito conhecidos na umbanda, pelos seus passes aliviadores e relaxantes, pela sua inteligência quanto a doenças, e por muitas outras coisas.
Todo caboclo tem uma vibração originária de orixá masculino e toda cabocla tem uma vibração originária de Orixá feminino, mas como falange, eles
(as) podem penetrar em todas as vibrações de Orixás e do Oriente.
Para explicar melhor, citaremos o exemplo da Cabocla Jurema: toda cabocla Jurema tem vibração originária de Iansã, mas poderemos encontrar a mesma entidade trabalhando em outras vibrações como Jurema da Praia, na vibração de Iemanjá; Jurema da Cachoeira, na vibração de Oxum; Jurema da Mata, na vibração de Oxossi, e assim sucessivamente. É a mesma entidade, com vibração originária de Iansã, penetrando em outras vibrações de Orixás.
Segue-se a relação dos caboclos e caboclas mais conhecidos na Umbanda, com sua respectiva vibração originária.

CABOCLOS DE OGUM

Águia Branca


Águia Dourada

Araribóia


 Beira-Mar

Caboclo da Mata

 Caiçaras

 Guaracy

Rompe Aço

Rompe Ferro

Rompe Mato


 Rompe Nuvem

 Sete Ondas

 Tabajara

 Tamoio

Tupuruplata

 Ubirajara, etc.


CABOCLOS DE XANGÔ

Araúna


 Caboclo do Sol

cajá

Caramuru
Cobra Coral

Girassol

Goitacaz

Guará

Guaraná

Janguar

Juparã

Mirim

Sete Cachoeiras

Sete Caminhos

Sete Estrelas

 Sete Luas

Sete Montanhas

Tupi

Treme Terra

Sultão das Matas

 Urubatão

Ubiratan, etc.


Habitat: matas e ambientes da vibração originária.

Libação: água de côco, mate, mel com água, caldo de cana, vinho tipo moscatel
Ervas: cipó cabeludo, cipó caboclo, eucalipto, guiné caboclo, guiné pipi, samambaia
Flores: girassol, flor de ipê, palmas de diversas cores, conforme a vibração originária.

Essências:
Para os caboclos: eucalipto, girassol.
Para as caboclas: eucalipto, pinho, tintura de
 tolu.

Fitas: verde, vermelha e branca

Pedras: quartzo verde

Metal: da vibração originária

Dia da semana: Quinta-feira ou o dia da vibração originária

Dia da Lua: não tem dia específico

Saúde: não tem área de saúde específica

Ímãs para trabalho: de acordo com a orientação da entidade

Objetivo: vigor, pujança, energia

Cozinha ritualística: milho e amendoim cozidos e passados no mel, servido com folhas pequenas de saião, que servem como "colher" e que também devem ser ingeridas





Nenhum comentário:

Postar um comentário